Blog

Como é o mercado de trabalho do BI

Categorias: Carreira

Responsável por melhorar as decisões de uma empresa a partir de dados, o BI, ou Business Intelligence, é uma área importante para gerenciamento coleta e análise de informações.

Passando por várias etapas (coleta de dados, organização, análise, compartilhamento e monitoramento das informações relevantes sobre o negócio), o BI pode ser entendido como um processo cíclico e de longo prazo.

O que poucos sabem, entretanto, é como funciona os bastidores dessa área, desde a formação de seus profissionais até o que é esperado pelo mercado. Por ser bem amplo, o BI pode ser compreendido em tipos de canais, que ajudam a entender as demandas exigidas nos processos das análises de dados.

Divisão de canais

Existem três canais importantes que dividem o BI em atuações mais específicas e norteiam o perfil do profissional que deverá trabalhar na coleta de informações. São eles:

BI de ferramentas: profissional técnico responsável por analisar as infraestruturas dos sistemas, explorando grande quantidade de dados, procurando padrões que sejam compatíveis com o seu negócio. Ele lida com dados específicos, gerados por sistema utilizado pela empresa, sendo a grande maioria de vendas.

BI de web analytics:  responsável por coletar os dados provenientes de site, e-commerce, landing page, projeto etc. Esse profissional tem sua análise baseada em dados gerados pelos visitantes que acessam as plataformas, analisando o comportamento do usuário para antecipar seu retorno a empresa.

BI de social media:  este profissional é mais focado nas análises de comportamento das pessoas nas mídias sociais. Com ferramentas específicas, o analista é capaz de monitorar os seguidores da marca e identificar oportunidades de negócios, além de criar estratégias para atrair mais clientes.

O que esperar desse mercado?

Mesmo sabendo como é o trabalho de um profissional do BI, algumas dicas sobre o que é preciso para ingressar nessa área nunca são demais. Isso porque algumas expectativas podem estar acima ou abaixo do que é realidade para a área.

Caso você queira seguir a carreira de um analista de dados, em qualquer canal que seja, saiba que: 

  • É preciso saber matemática, então detestar essa matéria não é opcional;
  • Saber além do básico no Excel, pois as fórmulas serão suas aliadas;
  • Entender algumas linguagens de programação, uma vez que a maioria das ferramentas lida com o uso de códigos de programação;
  • Ter afinidade e ampla visão de gestão e processos empresariais, para saber tomar decisões.

A concorrência no mercado de trabalho para a área de BI é acirrada, uma vez que essa profissão está cada vez mais em alta. Para fortalecer o currículo e conseguir boas chances, é sempre bom participar de eventos tecnológicos e fazer networking com pessoas do setor.

Ao se deparar com dificuldades técnicas, estude sobre uso de ferramentas e procure por cursos de aperfeiçoamento. Além das opções com certificação, é possível encontrar aulas gratuitas na internet, que podem abordar as temáticas de BI de forma mais generalista.

Competência de um analista de BI

Entusiasmo, foco, paciência e dedicação são apenas algumas características básicas de um bom analista de BI. Outras habilidades essenciais e que podem contribuir também para quem quer se desenvolver em outras áreas são:

  • Vontade de aprender
  • Saber conciliar teoria e prática
  • Ter uma boa base em matemática
  • Treinar o raciocínio lógico
  • Ter conhecimento em tecnologias de banco de dados

Para ir além, procure aprender ou melhorar os conhecimentos da língua inglesa, uma vez que a grande parte das ferramentas de BI são disponibilizadas no idioma.

Inclua nos seus domínios o Excel, para saber lidar com o processamento e leitura de dados; pesquise por metodologias de desenvolvimento para otimizar o trabalho; entenda o básico de programação e tenha interesse por tecnologia, uma vez que a área se aprimora com os mais novos lançamentos do mercado.

Se você está na área de Inteligência de Mercado, veja também 5 dicas para construir uma estratégia de BI.